LesteMais.com | Representantes do HNSD solicitam recursos ao Governo de Minas Gerais

Representantes do HNSD solicitam recursos ao Governo de Minas Gerais

 

Na sexta-feira, 05 de maio, o provedor do Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), Vaquimar José Vaz, e o conselheiro fiscal da instituição, Márcio Antônio Labruna, estiveram em Belo Horizonte, na Cidade Administrativa, sede do Governo de Minas Gerais, pleiteando recursos para expansão do serviço de hemodiálise e construção do Centro Diagnóstico. Participaram do encontro o secretário de Estado de Saúde, Sávio Souza Cruz, e o deputado estadual Raimundo Nonato Barcelos “Nozinho” (PDT).

Durante a conversa, foi solicitado R$ 3,4 milhões para a construção de um novo Centro de Hemodiálise no HNSD. A obra se faz necessária porque a atual estrutura opera em sua capacidade máxima e encontra dificuldades para atender novos pacientes, o que obriga a expandir a capacidade física do setor.

Em 2016, o HNSD chegou a assinar convênio com o Governo de Minas Gerais para executar a obra. O acordo previa o repasse dos recursos em duas partes. Porém, o modelo de contrato foi questionado pelo departamento jurídico da Secretaria de Estado de Saúde (SES) por entender que não pode ser firmado dois convênios com o mesmo objeto – modelo que foi utilizado pela última administração estadual para acertar parceira com o hospital.

Dessa forma, é necessário retomar o processo de negociação e captar novamente os valores necessários para a obra. Ação que foi iniciada por Vaquimar Vaz e Márcio Labruna na última semana. Além disso, eles solicitaram ao Estado a utilização de R$ 600 mil remanescentes do convênio anterior para ampliar o atual prédio da hemodiálise.

Os recursos seriam utilizados para expandir o atual setor de hemodiálise, o que daria mais tempo para o HNSD negociar a liberação da verba para a construção de uma nova estrutura para o setor. Apesar do pedido, Sávio Souza Cruz afirmou que essa é uma decisão que cabe o jurídico de sua secretaria. “O secretário [de Saúde] deixou bem claro que essa é uma decisão do departamento jurídico do Estado. Segundo ele, se foi solicitado a devolução [do dinheiro] não tem como reverter”, contou Vaquimar Vaz.

Centro de Diagnóstico

Como parte do seu planejamento estratégico, o HNSD vem trabalhando para aumentar a sua estrutura física, oferta de especialidades e capacidade de atendimento. Dentre os investimentos previstos está a construção de um Centro de Diagnóstico. Para construir o novo setor é preciso um aporte financeiro de R$ 3,2 milhões.

Durante o encontro com Sávio Souza Cruz e Nozinho, foi apresentado o projeto da nova unidade, sua planilha de custos e um pedido formal de parceria para a construção desse centro. A obra se faz necessária porque o hospital recebe, ainda neste ano, um Tomógrafo (aparelho que produz imagens computadorizadas do corpo) do Ministério da Saúde.

“Tanto o secretário como o deputado se mostraram solidários aos nossos pleitos e se dispuseram avaliar com especial atenção. Mesmo porque, o hospital está ampliando sua área física, orgânica e oferta de especialidades para melhor atender população”, observou Vaquimar Vaz.

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *