A primeira reunião de 2018

No dia 7 de janeiro de 2018 a Inter associação dos Amigos dos Bairros de Itabira realizou sua reunião mensal com os representantes das Associações de Moradores e outras entidades da comunidade. Foi a primeira reunião do ano e vários temas foram abordados – apresento a seguir o resumo de alguns deles:

* A presidente da Interassociação, Rosimeire Álvares, comentou que na comunidade rural Morro Santo Antônio foi criada uma “caixinha da estrada” para pagar máquinas particulares para consertar os pontos mais críticos da estrada – segundo ela, isso precisou ser feito depois que a associação de moradores da localidade procurou a Secretaria Municipal de Obras, e foi informada que a Prefeitura não poderia atender a solicitação, pois estava “faltando óleo para as máquinas”;

* A tesoureira da Interassociação, Maria das Graças, disse que “tem muito serviço na obra de construção da sede própria da Interassociação, mas estamos precisando de mais ajuda, principalmente no que se refere a mão-de-obra, materiais de construção e dinheiro para completar os materiais e serviços que ainda estão faltando”;

* Francisco Carlos da Silva, indicado pela Interassociação como suplente do Codema – Conselho Municipal de Meio Ambiente, comentou que “a solução para o esgoto do Bairro Bela Vista ainda está longe de se tornar uma realidade” e questionou o fato de o governo municipal estar demorando a oficializar a sua nomeação no Codema. Ele informou também que a próxima reunião do Codema só deve acontecer no mês de fevereiro.

No primeiro domingo de fevereiro deve acontecer a segunda reunião do ano na Interassociação. Para participar e/ou se informar mais sobre as reuniões e outras atividades da Interassociação e das Associações de Moradores, entrem em contato com a diretoria da “Inter” através do telefone 3834-0874 ou pessoalmente na sala 42 do Mercado Municipal “Caio Martins da Costa”, localizado à Avenida João Pinheiro, 535 – Centro – Itabira. Até breve!

 

HOMENAGENS

Recebi recentemente mais uma contribuição do nosso amigo e leitor José da Costa Dias, o Zezito, do Centro. Desta vez ele sugere homenagear algumas pessoas que participaram de atividades importantes em Itabira e contribuíram muito com o desenvolvimento econômico, social e cultural do nosso município. Confiram a seguir:

* O primeiro a ser citado pelo Zezito foi o Senhor João Lage, que atuava como comprador e revendedor de café e chegou a ter um galpão onde eram armazenadas cerca de 1000 (mil) sacas de café por ano – lembra também que Itabira tem um grande potencial na área rural, inclusive com possibilidade de voltar a produzir grandes quantidades de café, o que tem sido cogitado nos últimos anos pela equipe da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), que mantém uma Fazenda Experimental na região conhecida como “Posto Agropecuário”, onde podem ser montados experimentos para avaliar as espécies de café que tenham melhor adaptação aos solos da nossa região;

* Também na área rural, ele lembra Eliezer Batista, ex-presidente da Vale, que ajudou a realizar estudos sobre os potenciais dos nossos solos e participou da implantação de uma Usina de Álcool, que chegou a ser construída há algumas décadas – sobre isso, Zezito escreveu assim: “Pena que essa usina acabou… Imaginem se estivesse funcionando hoje, com as dezenas de milhares de veículos que consomem álcool combustível em nossa cidade, sem contar os que rodam nas cidades vizinhas e pelo Brasil afora, além de tantas outras utilidades do álcool…”. – Ele lembra ainda a participação da Vale na construção dos hospitais aqui existentes e na criação de várias vilas e bairros itabiranos, áreas de lazer e geração de empregos e renda para muitos cidadãos, incluindo a maioria dos aposentados que aqui vivem, entre eles o próprio Zezito;

* Outro lembrado por ele é o Senhor João Arcanjo, ex-funcionário da Prefeitura de Itabira, que também participou do desenvolvimento de nossa zona rural, sendo um dos responsáveis pela construção de dezenas de pontes e outras obras que permitiram melhorar a ligação das comunidades rurais com a cidade na época em que atuou no serviço público municipal;

* E não poderíamos deixar de lembrar as mulheres trabalhadoras e empreendedoras do nosso município, destacadas pelo Zezito através da Dona Margarida da Silva Costa, que era uma funcionária muito competente e se tornou uma grande mediadora entre a Vale e a comunidade, prestando serviços de grande relevância para toda a cidade, especialmente através de sua atuação na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e no Conselho Municipal de Bem Estar do Menor (Combem), entidades por meio das quais ela ajudou e beneficiou centenas de crianças, adolescente, jovens e até mesmo famílias inteiras com atividades ligadas à educação, cultura, saúde, serviços sociais e muito mais;

* Outro senhor lembrado pelo Zezito foi o “João Fubá”, que foi instrutor de auto-escola, construindo e mantendo, por meio de sua família, uma empresa que permitiu a muitos jovens e adultos aprenderem a dirigir – muitos deles se tornaram motoristas profissionais, prestando serviços em muitas empresas de Itabira e região;

* E nosso amigo encerra seu texto desejando a todos um excelente 2018, lembrando de forma especial todas as lideranças e autoridades, que são responsáveis pelas principais decisões sobre os destinos da nossa querida Itabira e pela geração de mais e mais oportunidades para todos.

Faço minhas as palavras do Zezito e deixo também minha homenagem a ele, Zezito, que é filho de agricultor, saiu da zona rural para estudar e mais tarde trabalhou na Vale e se tornou líder comunitário e um dos maiores entusiastas quando se fala do desenvolvimento econômico e social de Itabira, em especial da área rural, que, como ele lembra, “ocupa mais de 90% do nosso município e tem grandes potenciais, em todos os sentidos”. Até breve!

* Nivaldo Ferreira dos Santos é Mestre em Administração Pública, Professor, Líder Comunitário e Servidor Público* 

comentários