Projeto de Educação Ambiental cria multiplicadores da proteção da natureza

Neste mês, o Projeto de Educação Ambiental Escola de Vida realizou em Santo Antônio de Itambé o primeiro encontro do projeto, com 100 docentes do município e também de Senhora do Porto. Além da apresentação das etapas a serem trabalhadas durante o ano, bem como um histórico da iniciativa que possui mais de 20 anos, foi abordado o tema Fauna e Flora Regionais, Os Seres Vivos em seu próprio direito.

O objetivo do Escola de Vida é disseminar a consciência ambiental e a valorização da natureza. Desenvolvido desde 1996, juntamente com a Fundação Relictos, o Projeto consiste na capacitação de professores do 1º ao 6º ano das séries iniciais do ensino fundamental das escolas localizadas nos municípios de atuação da CENIBRA, ao longo de um ano, por meio da discussão e desenvolvimento de conceitos sobre o meio ambiente e métodos de sensibilização e divulgação junto aos estudantes.

O Projeto é desenvolvido em módulos com temas distintos, que são realizados, durante o ano sob a forma de seminários. Dentre os temas abordados estão: Ecologia e Saúde Integrais; Ecologia do Cotidiano: A escola e a comunidade; Ética e direitos humanos; Água, mudanças climáticas e biodiversidade; Aspectos Ambientais, Econômicos e Sociais do Cultivo do Eucalipto.

Olhar diferente

“O Projeto Escola de Vida vem trazer para os professores uma forma diferente de trabalhar o tema meio ambiente. Percebe-se que nele está presente a ludicidade, músicas, dinâmicas, enfim, tudo que o ambiente escolar precisa para se tornar um ambiente agradável a acolhedor. No corre-corre do dia a dia os professores muitas vezes entram numa rotina escolar em que as crianças preferem ficar em casa do que estudar. A escola deixa de ser atrativa e a criança acaba perdendo o interesse pelos estudos. O projeto Escola de Vida trás uma reflexão sobre o papel do professor como agente multiplicador sobre a importância da educação ambiental. Sensibilizar os alunos quanto ao seu papel na presença, participação e preservação do meio ambiente. Muito Obrigada CENIBRA”, Secretária Municipal de Educação de Santo Antônio do Itambé, Lúcia Aparecida Santos.

Para a professora Sonilde dos Santos, de Santo Antônio do Itambé, o primeiro encontro do projeto proporcionou um conhecimento esclarecedor e inovador sobre o meio ambiente. “É um projeto muito dinâmico no qual nos mostra como levar o conhecimento e as informações aos nossos alunos de forma lúdica. Agradecemos a CENIBRA pela grande iniciativa, já que nós moramos em uma cidade de natureza exuberante e precisamos muito nos conscientizar sobre preservação da nossa riqueza natural. Espero que juntos possamos conscientizar nossas crianças sobre a importância ambiental”, conclui.

“A Educação Ambiental é instrumento de transformação do sonho da sustentabilidade, em realidade de um mundo melhor. Desde o início, foram mais de 2 mil professores formados nestes anos de sucesso, com mais de 400 escolas envolvidas” declara Leida Hermsdorff Horst Gomes, Coordenadora de Comunicação Corporativa e Relações Institucionais.

comentários