Desempenho da Oi piora e preocupa Anatel

Situação da operadora, que, atualmente, segue um plano de recuperação judicial, preocupa. Agência teme que ela não consiga manter os serviços e haja apagão em algumas regiões do país

O desempenho ruim da operadora Oi — uma das maiores do país — tem sido motivo de preocupação para a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Uma das preocupações é que algumas regiões do país fiquem sem os serviços de telefonia oferecidos pela empresa já em 2020, pois há indícios de que ela pode enfrentar dificuldades para mantê-los em funcionamento nos próximos anos. Duas reuniões foram realizadas pela Anatel para discutir as opções e o próximo passo pode ser convocar os executivos da empresa para conversar.

Uma das alternativas seria tirar da Oi a concessão que permite oferecer telefonia fixa em todos os estados do país (exceto São Paulo, onde ela já não opera nesse segmento). Isso porque a Anatel não pode interferir ou cassar o direito da operadora de oferecer serviços de telefonia móvel e de banda larga — que precisam de autorização.

comentários