Itabira confirma mais 27 casos de Covid-19, agora são 44 positivos

Mais 27 casos positivos para a Covid-19 foram apresentados no boletim epidemiológico, desta quarta-feira (20), divulgado pela Prefeitura de Itabira. A elevação do número de casos deve-se ao aumento da testagem da população pelos testes adquiridos pela Prefeitura e por empresas. No entanto, a informação só passa a constar no boletim epidemiológico do município após o recebimento, pela Vigilância Epidemiológica, da notificação do caso e da cópia do resultado do exame.Mas, ao mesmo tempo em que o município elevou o número confirmados, não há, até o momento, paciente internado em decorrência do novo coronavírus. Ou seja, todos os novos casos confirmados estão em isolamento domiciliar. O número de casos recuperados ou descartados ultrapassa o de infectados: no total são 97.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ampliou sua equipe, capacitou e está aplicando em maior escala os testes rápidos de Covid-19 adquiridos no final de abril. Assim como a Prefeitura, grandes empresas da cidade vêm testando os seus funcionários e o MS (Ministério da Saúde) autorizou, além dos laboratórios privados, a realização de testes rápidos em farmácias e drogarias. Com isso, é natural uma maior identificação de casos, muitas vezes com sintomas leves. É de suma importância que a população e, principalmente, os casos confirmados, sigam rigorosamente o isolamento domiciliar, regras de higiene e de etiqueta respiratória”, explicou Rosana Linhares Assis Figueiredo, secretária municipal de Saúde.

É importante frisar que Itabira registrou uma morte por Covid-19. Todas as outras, consideradas suspeitas, foram descartadas. A SMS ressalta que o vírus está circulando no município e que todas as medidas de segurança devem ser tomadas. O cidadão que puder, deve ficar em casa. Aqueles que necessitam sair, devem usar máscara, manter-se afastado a pelo menos dois metros de distância das outras pessoas e cuidar da higiene pessoal, como lavar as mãos várias vezes ao dia e utilizar o álcool em gel.

Em tempo

Para ampliar a detecção do novo coronavírus em Itabira, a Prefeitura adquiriu, em abril, 10 mil kits diagnóstico de Covid-19. Os testes são importados e foram fornecidos pela Medlevensohn, empresa brasileira de distribuição de produtos e equipamentos médico-hospitalares.

A testagem da empresa para o novo coronavírus foi validada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O exame rápido utiliza uma pequena amostra de sangue, e apresenta resultado em cerca de quinze minutos. A empresa garante que o teste possui confiabilidade de 99,3%, ou seja, de cada 100 casos testados, 99,3 terão um resultado correto.

A SMS destaca que, desde a chegada da doença no município, realiza os testes de RT-PCR (considerado padrão ouro para detecção do novo coronavírus), com encaminhamento para a Fundação Ezequiel Dias (Funed), e por meio de contrato com laboratórios locais, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde.

comentários