Paciente com coronavírus foge de hospital e tenta incendiar o próprio corpo

Membros da Guarda Municipal conseguiram levar a paciente de volta para o hospital e contaram que ela ficou muito abalada ao receber a notícia que estava com Covid-19

Uma mulher de 57 anos diagnosticada com o novo coronavírus (Covid-19) fugiu do Hospital Municipal de Contagem e tentou colocar fogo em seu próprio corpo na tarde deste domingo (17). A paciente pulou a janela do hospital para fugir. 

Guarda Municipal conseguiu impedir que mulher se matasse.

De acordo com a Guarda Municipal, os funcionários da unidade de saúde avisaram sobre a fuga da mulher e confirmaram o diagnóstico de coronavírus. Os guardas buscaram uma enfermeira do hospital para reconhecer a paciente e foram com ela até o bairro Cinco, também em Contagem, onde a mulher supostamente estaria. 

Chegando ao local encontram a mulher com um álcool que tinha dentro da mochila e um isqueiro. Ela já tinha banhado o corpo com o líquido e pretendia acender o isqueiro. Os guardas conseguiram impedir o ato e chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para atender a mulher e levá-la novamente ao hospital. 

Segundo a Guarda Municipal a mulher não tinha problemas mentais, ela ficou muito abalada ao descobrir que estava com Covid-19 e, por causa disso, quis tirar sua vida.  Ela disse aos guardas que sentiu muito medo e se desesperou. A mulher vai receber atendimento clínico e psicológico. A cidade de Contagem tem 109 casos confirmados da doença e três mortes. 

A Secretaria Municipal de Saúde de Contagem confirmou que a mulher estava com a doença e disse que ela estava em uma ala exclusiva para esse tratamento. A mulher aproveitou um momento que ficou sozinha para fugir. Ela foi resgatada logo depois e não teve a saúde comprometida, segundo a secretaria. 

comentários