Com inauguração de 15 novos leitos, Itabira chega a 338 vagas para internação

O prefeito Ronaldo Magalhães esteve no Hospital Nossa Senhora das Dores (HNSD), na manhã desta terça-feira (4), para entregar 15 novos leitos da nova estrutura da Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A área será exclusiva para os pacientes com covid-19. Com isso, Itabira chega a 338 leitos para internação, muitos deles provenientes de esforço da gestão municipal para o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus e que ficarão de forma permanente para a população.

Viabilizada pelos recursos do Município, a unidade de saúde, que possuía apenas dois leitos para tratamento do novo coronavírus, passa a contar com 17 vagas de tratamento intensivo. Nesta aquisição, a Prefeitura empregou R$3.581.192,70. Além disso, o investimento estimado até outubro deste ano é de R$4.926.241,55.

Recebido pelo diretor administrativo do hospital, Alexandre Coelho, e pelo provedor do HNSD, Vaquimar José Vaz, e acompanhado pela secretária municipal de Saúde, Rosana Linhares Assis Figueiredo, Ronaldo Magalhães visitou as instalações e conheceu parte da equipe médica. “Eu entendo que foi um projeto calculado, com um certo risco devido à [urgência] da pandemia, mas assumimos um projeto para podermos fazer o melhor para esta população. E ainda mais no que se refere a leitos de UTI – que agente sabe tanto faltam pelo Brasil lá fora”, frisou o prefeito.

No momento da visita, não havia internados, mas cinco leitos já estão aptos a funcionar imediatamente e contam com 55 profissionais contratados exclusivamente para a unidade. Os outros leitos terão sua operacionalização programada, de acordo com a demanda, e serão necessárias também novas contratações de profissionais. A secretária de Saúde comemorou a ampliação de vagas, mas disse que o momento ainda é de cautela.

“Os leitos que a gente entrega agora fazem parte de uma meta. Itabira vem aí com uma demonstração de responsabilidade, pois neste momento a gente ainda não uma taxa de ocupação elevada, mas sabemos que estamos na curva ascendente. E é importante frisar que dentro do hospital a gente salva, mas a gente só ganha do vírus lá fora com o apoio da população e adesão às medidas de enfrentamento”, explicou. O provedor do hospital e o diretor parabenizaram a Prefeitura pela entrega e, durante a inauguração, apresentaram os médicos Juliano Ferreira e Cássio Seródio que têm expertise em tratamento intensivo e vivência prévia ao tratamento da covid-19 e atuarão na nova UTI.

Saiba mais

Essa nova estrutura foi montada na área onde seria um Pronto Atendimento (PA) para pacientes de planos de saúde. No entanto, devido à pandemia, o espaço precisou ter outra destinação. Para otimizar a capacidade de atendimento, a Secretaria Municipal de Saúde de Itabira executa o monitoramento diuturno da ocupação dos leitos e faz a gestão da grade ofertada de forma que os hospitais possam prestar a melhor assistência com a segurança necessária.

Prontos para novas ampliações: subestação de energia garante funcionamento

O prefeito Ronaldo Magalhães participou ainda da inauguração de sua subestação de energia Waldemar Pontes. A estrutura ppermitirá aumentar a capacidade de atendimento principalmente nos serviços que demandam alto consumo de energia. Também compareceu à inauguração, o secretário municipal de Obras Ronaldo Lott. Ele auxiliou, ainda em 2017, na negociação do projeto junto à CEMIG, já que a etapa de preparação e disponibilização de infraestrutura dependia da estatal.

A Secretaria de Obras disponibilizou ainda 12 profissionais por 90 dias para as obras de instalação da subestação de energia. Com a subestação, o HNSD aumentará a sua capacidade de 420 quilowatts (Kw) para 460 kw, com a expectativa de alcançar até 1.200 kw nos próximos anos.

comentários