Homem de 50 anos suspeito de abusar da filha de 6 anos é morto a tiros

À polícia, companheira da vítima contou que o marido foi retirado de casa por dois homens

A Polícia Civil vai investigar a morte de um homem de 50 anos assassinado com vários tiros, na última quinta-feira (18), em Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele teria, supostamente, cometido abusos sexuais contra a filha, de apenas 6 anos. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a companheira da vítima contou aos militares que, por volta de 1h, dois homens bateram na porta da casa da família, na Vila Ideal, pedindo água. Ao abrir a porta, a vítima foi abordada pela dupla armada e retirada de casa. A mulher afirmou que toma remédios controlados e não soube o que fazer quando os criminosos pegaram o homem do imóvel.

Ainda na versão dela, havia suspeita dos abusos contra a filha do casal. O irmão dele também disse que suspeitava do estupro. A criança, que afirmou ter sido abusada pelo pai, foi encaminhada a um hospital da cidade. Segundo a equipe médica informou aos policiais, não houve rompimento do hímen. O Conselho Tutelar foi acionado, e a garotinha ficou sob a custódia de uma tia.

O corpo do homem só foi localizado no início da tarde dessa quinta com várias perfurações provocadas por arma de fogo. Nenhum suspeito do homicídio foi identificado e localizado.

Por CAROLINA CAETANO/OTempo

comentários