Nota da Polícia Militar de Minas Gerais sobre a repressão a vândalos no centro de Belo Horizonte

NOTA À IMPRENSA

A Polícia Militar de Minas Gerais informa que na noite deste sábado (22/06) está sendo obrigada a utilizar da força para reprimir a atuação de aproximadamente 500 marginais que estão praticando atos de vandalismo no centro de Belo Horizonte, como a depredação de equipamentos públicos e estabelecimentos comerciais.

A Polícia Militar não vai permitir que um bando de vândalos se aproveite do ambiente criado por momentos de grandes aglomerações populares para cometer ações criminosas que são repudiadas por todos os cidadãos de bem, como depredações de patrimônios públicos e privados, saques, arremessos de pedras e bombas caseiras. 

A população de Minas Gerais pode ficar certa de que a Polícia Militar não medirá esforços para reprimir esses atos criminosos e prender os responsáveis.

Importante destacar que, desde o primeiro momento, a Polícia Militar está movida pela orientação do Governo de Minas de assegurar que as manifestações populares transcorram de forma ordeira e pacífica. O espírito da corporação tem sido sempre o de evitar o confronto, mas também o de não permitir o vandalismo e a subversão da ordem pública e da paz social.

Reiteramos que essas pessoas que estão praticando crimes no centro de Belo Horizonte nada têm a ver com as manifestações populares ocorridas ao longo do dia na capital.

Polícia Militar do Estado de Minas Gerais

comentários