O comércio e a prestação de serviços geram oportunidades em Itabira

Nos últimos meses estamos publicando uma série de textos sobre oportunidades existentes em Itabira e sobre a necessidade de tentarmos viabilizar o “desenvolvimento com sustentabilidade” em nosso município. Damos continuidade à nossa série trazendo agora informações a respeito dos estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços existentes em Itabira e sobre alguns potenciais que podem ser explorados para ampliar as atividades do comércio local.

Para iniciar, quero falar de uma coisa muito importante em relação ao peso do comércio na nossa economia: em 2010 o Censo realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontou que 14,18% da “população ocupada” de Itabira estava empregada no comércio. E em 2013 a CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Itabira informando que o comércio gerava cerca de 15 mil empregos.

O comércio itabirano oferece uma grande variedade de produtos e mercadorias, desde produtos rurais “in natura” até produtos sofisticados, incluindo produtos fabricados no próprio município em outros municípios da região, outros estados brasileiros e até mesmo de outros países. Há produtos artesanais, alimentos, equipamentos eletrônicos, veículos, roupas, calçados, acessórios, cosméticos, produtos de limpeza, materiais de construção e praticamente todo tipo de mercadoria, que são comercializados em lojas, mercearias, bares, restaurantes, supermercados, hipermercados, concessionárias de veículos, floriculturas, açougues, marmorarias, papelarias e outros tipos de estabelecimentos, além de vendedores ambulantes, feiras e serviços de entrega, incluindo vendas através de comércio eletrônico.

Toda essa gama de atividades comerciais gera oportunidades para muitos profissionais, como vendedores, gerentes, estoquistas, embaladores, entregadores e prestadores de serviços em geral, que complementam as atividades das empresas comerciais e também do setor industrial e da agropecuária, que já foram apresentados nos textos anteriores.

Em relação ao setor de serviços é importante destacar que quase 45% da “população empregada” atuava nas empresas desse setor em 2010, de acordo com os dados do IBGE, que classifica nesse segmento as seguintes atividades: Transporte, armazenagem e correio; Alojamento e alimentação; Informação e comunicação; Atividades imobiliárias; Atividades profissionais, científicas e técnicas; Atividades administrativas e serviços complementares; parte das atividades de artes, cultura, esporte e recreação; e “Outras atividades de serviços”.

E é exatamente no setor de serviços que estão as atividades atualmente consideradas de maior potencial para o futuro de Itabira, como educação, saúde e turismo, conforme podemos observar nos debates eleitorais e nos principais projetos apresentados nos últimos tempos pelos órgãos públicos, pelas empresas já estabelecidas e pelas entidades representativas dos diversos setores da comunidade.

Na área da educação temos as escolas de ensino regular (infantil, fundamental, médio, técnico e superior) e também áreas mais específicas, como cursos de línguas estrangeiras, reforço escolar, cursos ligados às artes (instrumentos musicais, canto, artesanatos de diversos tipos e outras atividades artísticas), cursos profissionalizantes ou semi-profissionalizantes de curta duração, além de diversos serviços complementares, como transporte escolar, alimentação escolar, copiadoras, serviços de impressão, lan-houses e serviços de telecomunicações, incluindo as várias modalidades de acesso à internet.

Na área de saúde temos hospitais, clínicas, laboratórios, farmácias de manipulação de medicamentos, transportes, cursos específicos para essa área, cuidadores de idosos, prestadores de serviços médicos e de enfermagem a domicílio, terapeutas de diversas modalidades de tratamentos considerados complementares ou alternativos, como acupuntura, massagens, homeopatia, fitoterapia, meditação e diversos outros.

Na área de turismo Itabira já conta com diversas pousadas, hotéis, agências de viagens e profissionais que atuam como guias ou fazem divulgação dos diversos atrativos turísticos, tanto nas áreas urbanas quanto nas localidades rurais do distrito sede do município e também nos distritos de Ipoema e Senhora do Carmo. Entre os atrativos turísticos de Itabira temos visto vários destaques, como os equipamentos culturais ligados à imagem e ao nome do “poeta maior” Carlos Drummond de Andrade e as diversas referências da nossa área rural, como as pousadas e o Parque Estadual Mata do Limoeiro.

Como consequência das atividades de comércio, serviços, indústrias e produção rural temos também um setor de construção civil bastante movimentado, que ocupava em 2010 quase 12% da “população ocupada”, de acordo com os dados do IBGE. Além da construção de casas e edifícios para moradia Itabira tem também muitas obras públicas em vias urbanas, estradas, pontes, viadutos e outras obras complementares, além de obras e serviços relacionados a barragens, empresas industriais, saneamento básico e outras infraestruturas.

E tudo isso gera muitas oportunidades, havendo até mesmo alguns setores que encontram dificuldade de identificar pessoas com o perfil adequado para ocupar todas as vagas disponíveis.

É importante lembrar que uma das grandes dificuldades dos contratantes é encontrar profissionais com a formação e o conhecimento adequados, principalmente com conhecimentos sobre as técnicas e tecnologias mais modernas de cada setor. Por isso, deixamos aqui um alerta para quem tem interesse em aproveitar as muitas oportunidades existentes: procure observar e pesquisar quais os setores e atividades com mais oportunidades de trabalho e busque a qualificação adequada para atuar nas atividades de seu interesse.

Com certeza há, sim, muitas oportunidades, mas é preciso estar preparado para aproveitá-las na hora certa.

Até a próxima!

* Nivaldo Ferreira dos Santos é Mestre em Administração Pública, Professor, Líder Comunitário e Servidor Público

comentários